Para uma empresa alcançar o sucesso, é preciso cumprir uma série de fatores. Um destes princípios é o planejamento estratégico, isto é, uma série de mecanismos práticos que tem como objetivo final o crescimento de um negócio. A partir disso, a tomada de decisões é mais embasada e, por consequência, a chance delas serem assertivas são maiores. Essa estruturação pode e deve ser feita desde a implementação de um empreendimento à sua expansão. No entanto, apesar de necessário, é um procedimento elaborado e complexo; para isso, é preciso realizar uma análise de todos os pontos que compõem o planejamento estratégico a fim de ter uma compreensão melhor sobre ele.

Definição de Metas e Objetivos

Nesse primeiro ponto, por mais que algumas das metas e objetivos não sejam todas cumpridas a tempo, somente tê-las traçadas já induz a uma mentalidade de foco. Tal ideia evita que a tão conhecida procrastinação aconteça, e consequentemente aumenta o nível de produção de uma empresa. Mas fora isso, a definição em questão cria um mapeamento para o resto do ano ou seja qual for o tempo estabelecido. Com isso, tudo fica mais claro e longe da obscuridade; esta que pode levar à desorganização entre o corpo de membros e a desmotivação visto a falta de planejamento.

Análise do Mercado

Além de precisar conhecer muito bem a sua empresa e suas limitações, é imprescindível conhecer o mercado em que seu empreendimento se encontra. Desta maneira, a análise de mercado categoriza-se como outro pilar de um planejamento estratégico. É através de um estudo de diagnóstico e comparação dos concorrentes, de outros produtos e do segmento de mercado em si, que é possível adotar um posicionamento estratégico bem definido. Assim, torna-se palpável obter uma projeção de crescimento mais objetiva.

Conhecer o Público Alvo

Um ponto muitas vezes subestimado é o conhecimento sobre o seu público alvo. É ele quem dita várias das decisões de uma empresa, como a comunicação externa, as ideias por trás da estética e o tipo de produto oferecido. Aquele que não possui seu público bem estabelecido desde o começo, enfrenta problemas uma hora ou outra, visto que a percepção das pessoas sobre a marca provavelmente será de confusão. Com o público que você quer alcançar em mente, todos os outros pilares ficam imensamente muito mais estabelecidos. 

Metodologia de Acompanhamento

A divisão de etapas é algo fundamental para a realização de um planejamento estratégico. Para praticar isso de uma maneira mais qualitativa, é preciso fazer uma metodologia de acompanhamento, outro fundamento importante. A falta de um processo estruturado e bem definido é crucial para o lapso de um projeto. Conectar esta tarefa com gerenciamento ou com as tecnologias de hoje já é um grande auxílio. A exemplo do avanço técnico, o suporte tecnológico é cada vez mais imprescindível – novas ferramentas de caráter integrador surgem com frequência e é sempre importante estar atento ao mercado e suas inovações.

Na Empresa Júnior, utilizamos os OKRs (Objectives and Key Results), que traduzido para o português quer dizer “objetivos e resultados chaves”, como uma maneira de estabelecer metas a serem alcançadas a cada ano. Cada uma delas traz um ponto específico a ser atingido, e a partir disso, mensalmente, temos uma apresentação de resultados que mostra se estamos ou não encaminhados com os objetivos.

Portanto, a partir dos pilares apresentados, é possível dar os primeiros passos em seu planejamento estratégico. Claro, para que seja efetivo, não basta apenas ter eles anotados. A prática trará pouco a pouco resultados melhores para o seu empreendimento, seja ele iniciante no mercado ou mais consolidado.

– Arthur Breier e Felipe Jordão

× Agende um diagnóstico