Como a IA está influenciando o meio corporativo?

Como a inteligência artificial tem influenciado o meio corporativo surge como um questionamento recorrente. Com essa pauta em alta, empresas percebem o benefício dessa ferramenta e as oportunidades, antes não existentes, que a IA vem proporcionando. 

Ressignificando o empreendedorismo pelo seu destaque constante, demonstrando ter importância no âmbito de inovações em uma empresa e na alta eficiência da mesma, o mundo dos negócios tem sido estimulado a renovar, mudar e atualizar, se contextualizando no empreendedorismo tecnológico.

Isso é observado na década em que vivemos, por conta da sua capacidade de potencializar e impulsionar aspectos de uma empresa. Essa observação vem da eficiência operacional, tomada de decisões, atendimento ao cliente, inovação e desenvolvimento de produtos. Essas inovações através de IA conseguem reduzir tempo, funcionários e investimentos para manter aquela empresa funcionando. Mas também, como mencionado anteriormente, beneficia aspectos cruciais de uma empresa. 

Com isso, empreender por IA tem se tornado uma realidade em marcas de grande porte, que já enxergam a aproximação do mundo corporativo com o digital como o trabalho do futuro. No Brasil, 41% das empresas brasileiras já utilizam IA, segundo pesquisa da IBM. Essa união tem-se destacado por resultados impressionantes de melhora na  produtividade e eficiência de empreendimentos, fazendo-se pensar que agora é a hora para investir, entender e investigar mais sobre IA.

Para isso, você sabe o que é inteligência artificial? Venha entender mais sobre como impulsionar aspectos cruciais da sua empresa através dessa ferramenta popular.

Inteligência Artificial

Imagem ilustrativa de uma máquina conduzida por IA

A Inteligência Artificial já foi amplamente retratada no cinema, tendo sua primeira aparição em 1927, com o filme “Metropolis”, de Fritz Lang, e em 1939, com o filme “The Electric Brain” de Walter Ruttmann. Entretanto, somente na década de 80 o tema se popularizou, com filmes como “Blade Runner”. 

Nas produções cinematográficas, os robôs são frequentemente seres conscientes, com capacidade de pensar semelhante aos seres humanos. Hoje, cerca de 80 anos depois da primeira aparição, a Inteligência Artificial se manifesta de forma mais prática, auxiliando empresas em várias áreas. Auxiliar nos processos de uma empresa ao automatizar tarefas, fazer análises de dados, interagir com os clientes para aprimorar o atendimento são algumas das capacidades que a IA atualmente desempenha.

A inteligência artificial se refere à capacidade das máquinas simularem o pensamento humano, tendo a possibilidade de exercer tarefas complexas de forma autônoma. Envolve “Machine Learning”, conceito que se refere a possibilidade das máquinas de aprenderem sozinhas, a partir de dados adquiridos durante sua utilização.

Exemplos de inteligência artificial que são utilizadas no nosso dia a dia que aplicam Machine Learning são: chatbots de assistência virtual, o Google Tradutor, a Alexa e Siri. O diferencial deles é a capacidade de se aperfeiçoar sem auxílio humano.

Vantagem na utilização da IA

a) Redução da margem de erros

Por utilizar bancos de dados para sua performance, a decisão feita pelas inteligências artificiais é com precisão. Não precisa mais ser levado em conta o cansaço do trabalhador por exemplo. Tarefas desgastantes e repetitivas, quando feitas por seres humanos, têm uma taxa de erro muito maior do que em máquinas.

b) Automação de Processos

A capacidade de automatizar etapas de processos de empresa é outra das vantagens da Inteligência Artificial. Antes da Segunda Revolução Industrial, os seres humanos tinham a necessidade de exercer tarefas como arar o chão para a agricultura manualmente.

Hoje em dia, temos máquinas que cuidam dessa parte do processo. Pode ser feita a mesma comparação com outros trabalhos como o atendimento ao cliente, onde os assistentes virtuais podem responder a perguntas comuns e resolver problemas básicos dos clientes, reduzindo a quantidade necessária de trabalhadores nesta área.

c) Redução de custos

Consequentemente à redução de trabalhadores necessários, os recursos antes direcionados para determinadas funções não é mais necessário. Com isso, o capital pode ser utilizado para diferentes partes da empresa.

Exemplos de multinacionais que já utilizaram a IA

Um exemplo conhecido é a Amazon, uma empresa multinacional de tecnologia, focada no e-commerce, computação em nuvem e inteligência artificial. Considerada uma das maiores empresas de tecnologia, a empresa implementou uma ferramenta digital, buscando um auxílio personalizado para o usuário. Para isso, desenvolveram a Alexa, uma assistente virtual que auxilia em questões cotidianas, através do reconhecimento de voz ela interage com perguntas, pedidos e tarefas. Com o objetivo de auxiliar, a Amazon consegue proporcionar um conforto ao usuário simplificando afazeres, proporcionando uma experiência de agilidade para o mesmo.  

Aprofundando no assunto, é perceptível que a Amazon é apenas uma empresa, de inúmeras que utilizam a Inteligência Artificial a seu favor. Evidentemente, ambas plataformas da Netflix e TikTok utilizam essa ferramenta para engajar seus usuários em mais tempo de uso no aplicativo de entretenimento. Seguindo a mesma linha de raciocínio, compreendendo a base de algoritmos para o consumo dos usuários, a inteligência artificial consegue analisar os dados de visualização e oferecer recomendações de filmes e séries na plataforma da Netflix, como também de vídeos no TikTok. Isso é possível levando em consideração fatores como histórico de visualização, as classificações dadas pelos usuários e os padrões de comportamento.

Ademais, é possível observar isso não só no mundo de tecnologia e entretenimento, mas também como em empresas de automação e armazenamento de energia. Recursos que utilizam inteligência artificial é o piloto automático, que auxilia no estacionamento automático e direção autônoma. Eles manipulam dados dos sensores implementados nos veículos, como também de câmeras embutidas, em tempo real para a navegação independente desses veículos. Mas esse processo só é eficiente por conta de algoritmos de referência que a inteligência artificial processa, e toma suas decisões para garantir a eficácia e segurança daqueles que buscam esses carros no mercado.

É imprescindível o entendimento que a ideia de IA no mercado já se tornou uma realidade nos tempos atuais, incentivando atualizações no meio corporativo. Essas empresas internacionais e mundialmente conhecidas servem como referência de inovações através de IA, mas essa técnica já está sendo utilizada em diferentes áreas do mercado, que diferem em atuação, como por exemplo, saúde, finanças, varejo, transporte, nomeando algumas de muitas. 

Potencializando a maneira em que empresas funcionam, é essencial o entendimento de como essa ferramenta pode ser implementada no setor de cada empresa, já que investimentos nessa área de IA já está como próximo na lista de várias empresas de pequeno e médio porte.

Quais ferramentas a sua empresa pode usar?

Desde automatizações até relacionamento com o cliente, a utilização de inteligência artificial não é mais “futurística”, ela faz parte de nosso dia a dia, de nosso cotidiano. Um exemplo é o algoritmo das redes sociais de recomendação a partir de dados que está sempre em autodesenvolvimento, com o objetivo de reter a atenção do usuário no aplicativo.

Podemos utilizar do mesmo pensamento para tornar nossos softwares e aplicativos mais “inteligentes”, mais próprios para exercerem a sua função, seja ela reter o usuário ou aumentar o número de vendas.

Ao abordar o tema “automatização”, podemos falar sobre o relacionamento com o consumidor, por exemplo. A inteligência artificial consegue se comunicar com o cliente e se aprimorar conforme mais perguntas e respostas forem feitas, diminuindo significativamente o custo de mão de obra para o mesmo serviço e, agora, com funcionamento por todo o dia.

Aqui na Empresa Júnior PUC-Rio, nossos serviços de Desenvolvimento de Site incluem criação de sites, manutenção de sites e aumento da complexidade do site.

A criação é direcionada para empresas que ainda não possuem presença digital e desejam começar a adentrar este mundo. Começamos com alinhamento com o cliente para melhor entender sua demanda, modelo de negócio e identidade. Utilizamos da metodologia ágil para poder pivotar o processo de criação caso necessário, em um ciclo constante de feedback.

A manutenção é direcionada a empresas que têm seu site desatualizado com o design atual, com a identidade visual, ou que querem oferecer um serviço novo, um produto novo. Outro motivo pode ser o de melhorar o SEO (aparecer com maior relevância em mecanismos de busca), a empresa pode desejar aumentar a taxa de conversão no seu site.

O aumento da complexidade diz respeito à uma empresa geralmente de maior porte, que já tem prevalência no mercado, que deseja melhorar suas condições de segurança, que deseja começar a escalar seu negócio e se preparar para receber diversos leads e clientes em seu site.

Entre em contato conosco!

Autores: Bruna Warwar e Miguel Klein

Veja Mais

Categorias

Entre em contato conosco se você tiver alguma dúvida