Dia das Crianças ou mais um dia do comércio?

O Dia das Crianças, 12 de outubro, é um momento muito especial para as famílias brasileiras. Nele, celebramos a infância e a alegria, além de ser um momento de comemoração pelos direitos das crianças, garantidos pela Fundação das Nações Unidas (UNICEF). Perto dessa data, vemos os shoppings com atrações exclusivas, as lojas com promoções arrasadoras e as pessoas comprando para deixar seus filhos e parentes felizes. Mas surge o seguinte questionamento: Dia das Crianças ou mais um dia do comércio?

Ao longo da história, podemos ver a força que datas festivas têm na economia, e como as empresas aproveitam das mesmas para turbinar suas vendas. Por isso, ao longo deste blog, iremos analisar as estratégias de marketing infantil desenvolvidas com o objetivo de aumentar o consumo e mobilizar massas.

Fonte: https://escolaeducacao.com.br/painel-dia-das-criancas/

Criação do Dia das Crianças

O Dia das Crianças foi criado como uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas (UNICEF) para celebrar a data em que foi oficializada a Declaração dos Direitos da Criança, em 20 de Novembro de 1959. Nesse documento, se estabeleceu uma série de direitos válidos a todas as crianças do mundo como alimentação, amor e educação. 

Contudo, o Brasil já contava com um dia oficial para a comemoração do Dia das Crianças. Em 1923, a cidade do Rio de Janeiro, então capital do Brasil, sediou o 3º Congresso Sul-Americano da Criança. No ano seguinte, aproveitando a recente realização do evento, o deputado federal Galdino do Valle Filho elaborou o projeto de lei que estabelecia essa nova data comemorativa, instituindo 12 de outubro como data oficial para comemoração do Dia das Crianças.

Entretanto, a data só passou a ter repercussão nacional em 1955, quando passou a ser celebrada através de uma campanha de marketing elaborada por uma indústria de brinquedos chamada Estrela. O sucesso da campanha logo atraiu a atenção de outros empresários ligados à indústria de brinquedos.

A partir disso, várias outras empresas passaram a aproveitar de tal demarcação com o objetivo de alavancar as vendas. Os bons resultados fizeram com que esse mesmo grupo de empresários revitalizassem a comemoração do “12 de outubro” criado pelo deputado Galdino. Dessa forma, o Dia das Crianças passou a incorporar o calendário de datas comemorativas do país.

Como alavancar suas vendas no Dia das Crianças

Alavancar as vendas em datas comemorativas nunca é fácil, especialmente por conta da alta disputa de atenção dos clientes, ainda mais quando se trata de crianças e seus respectivos gostos/vontades que não são apenas suficientes pois os mesmos dependem do convencimento de seus pais e famílias para poderem ganhar o presente.

Sendo assim, pensamos em 3 estratégias para diferenciar o seu negócio e alavancar as vendas nessa data tão especial que é o Dia das Crianças.

 Dica 1 – Personalize suas redes sociais

As redes sociais já são o maior meio de comunicação existente no mercado, além de ser um veículo barato a mesma tem um alcance inimaginável. Sendo assim, por se tratar de uma data especial e que muitos comércios disputam pela atenção do público é necessário preparar e deixar as redes sociais mais atrativas do que nunca. 

Sendo assim, é necessário pensar em uma identidade visual exclusiva e única para suas redes sociais, assim como posts exclusivos e chamativos que tenham cores únicas e chamativas. Por fim é necessário além do impulsionamento do conteúdo criar destaques exclusivos em suas redes sociais que mostram as exclusividades do evento que estará ocorrendo.

Dica 2 – Propagandas e campanhas online

Como já mencionado anteriormente, além de um visual único, exclusivo e chamativo é necessário atrair o máximo de engajamento e atenção possível para que haja mais clientes e, consequentemente, maior número de vendas. Ao criar propagandas e campanhas online é preciso pensar em ações que interajam com universo infantil, utilizando uma linguagem adequada e que estimulem a imaginação, amizade e diversão.

 Uma estratégia para que sua marca se aproxime dos consumidores e atinja novos públicos é a criação de campanhas interativas. Desafios, sorteios ou relatos pessoais que gerem engajamento e compartilhamento dos usuários nas redes sociais é uma forma divertida e criativa para divulgar tanto os produtos da marca quanto sua essência. Além disso, ainda que nem todos os usuários impactados comprem imediatamente é uma oportunidade para que eles conheçam uma nova marca e, no futuro, sejam fidelizados.

Dica 3 – Crie promoções e brindes especiais

Ainda que os protagonistas dessa data especial sejam as crianças, os responsáveis por comprar os presentes são os pais e os parentes. Por isso, é importante pensar em estratégias de vendas que atraiam esse público. Descontos progressivos, kits promocionais e promoções como “Leve 2 pelo preço de 1”, por exemplo, são uma ótima forma de cativar aqueles clientes com intenções de comprar mais de um presente. Assim, ao escolher sua loja, o consumidor ganha o benefício de redução de preço. Ofertas com diferentes combinações de produtos ajudam pais, avós ou padrinhos que têm diferentes crianças a apresentar, como combos de presentes para irmãos ou com presentes tanto para meninas como para meninos.

Além disso, oferecer brindes especiais também é uma estratégia interessante para conquistar e fidelizar novos clientes. Brindes personalizados tornam presentes únicos e especiais, além de tornar o processo de compra mais pessoal. Outra possibilidade é ofertar brindes por um determinado preço, uma forma de também aumentar o ticket médio da sua loja.

Gostou do blog e se interessou nas estratégias? Clique aqui para saber sobre outros assuntos relacionados e venha conhecer um pouco mais sobre a Empresa Júnior PUC-Rio. 

Veja Mais

Categorias

Entre em contato conosco se você tiver alguma dúvida